BDMG: de leilão de lotes a coquetel para 1.500

  • por | publicado: 08/09/2022 - 15:40 | atualizado: 09/09/2022 - 10:58

Entrada principal do prédio do BDMG - Crédito: Nairo Alméri/ALÉM DO FATO

É feia a crise. O Banco de Desenvolvimento de Minas Gerais (BDMG), portanto, corre para tentar dar liquidez na carteira de bens imóveis. São patrimônios, certamente, que serviram como garantias em operações de crédito.

Portanto, amanhã (09/09), levará para o prego, via leilão, 28 imóveis, no interior de Minas Gerais e Região Metropolitana de Belo Horizonte, avaliados em R$ 23,971 milhões.

Entre os imóveis, o BDMG ofertará terrenos urbanos e rurais, casas e salas. Mas, aparecem áreas de interesse comercial. Estão, exemplo, prédios comerciais em Belo Horizonte e Uberaba; galpão comercial, em Mateus Leme.

BDMG não abre mão da festa

Mas, se, por um lado, o BDMG corre para se livrar de ativos que não são do core business e calçar o caixa, por outro, esnoba a crise geral, que não é de hoje para determinados negócios que toca. O banco, então, dá de ombros e escolherá no próximo 16/09 o vencedor “serviços de buffet” para coquetel de 1.200 convidados. Mas, estipula receber 25% a mais. Portanto, receber 1.500 pessoas.

A festa, conforme o Edital BDMG-18/2022, é parte das comemorações dos 60 anos de fundação de instituição.

O buffet entrou calendário para 12 de novembro, no complexo cultural Sala de Minas Gerais, no Bairro Barro Preto. O banco fixou “custo global máximo de R$ 243.000,00”. A conta, no entanto, será do acionista, o Governo de Minas Gerais (Tesouro Estadual, 91,32% do capital; Codemge, 7,88%; MGI, 0,80%; e, DER 041 ações – 31/03/2022). O Governo, por sua vez, em tese, representa e defende interesses do povo.

O banco exige, no item “Qualificação”, que os candidatos comprovem atendimentos em nível de banquete, como por exemplo, no caso, incluindo presença do governador Romeu Zema.

2.5.1. Atestado(s) de capacidade técnica, em nome da licitante, expedido(s) por empresa, pública ou privada, que comprove(m) que a licitante prestou serviços de buffet para evento com no mínimo 600 (seiscentos) convidados e preparado para ter participação de chefe do Executivo Estadual (Governador de Estado), englobando minimamente o preparo e o fornecimento de alimentos, distribuição de bebidas, vasilhame e serviço de garçons para atendimento aos convidados”.

Imagem ilustrativa usada no Edital – Reprodução

É para comer à vontade

O vencedor da licitação assumirá, então, a responsabilidade de manter os convidados bem servidos das 19h00 às 23h40. “3.2.2. Os alimentos e bebidas serão oferecidos durante o evento conforme cronograma abaixo, dando aos convidados o direito de repeti-los quantas vezes desejarem, dentro dos horários indicados”.

Para deixar os convidados bem satisfeitos, o BDMG oferecerá menu com farta opção:

– Salgados/volantes – cinco variedades de frios e cinco de assados. Apresenta no Edital 24 itens. Nos frios, estão, entre outros, “rolinhos de presunto cru e melão ao Porto” e “Canapé de queijo de cabra, Parma e figo ao Porto”. Nos quentes, “Brochetinhos de banana com queijo coalho e melaço” e “Mini quiche de costelinha confitada e molha barbecue”;

– Petit Gourmet (prato quente) – Entre outros, “Petit Bobo de Camarão com Pimenta Biquinho” e “Risoto vegetariano”;

– “Mesa mineira” – Servirá de queijos, “torresmos de barriga pururucado com goiabada picante”, … “carpaccio de carne serenada com mostarda mineira”;

3.3.9.2. A Mesa Mineira deverá ser reposta ao longo do evento, de forma a permitir que os convidados possam se servir à vontade no horário indicado”.

Ordem do BDMG: convidados saírem de barriga estufada

O banco do Governo de Minas Gerais reafirma, portanto, no Edital, não querer saber de convidado saindo com fome da sua festa.

“3.3.6. Reposição dos alimentos e número de convidados;

Imagem ilustrativa usada no Edital – Reprodução

3.3.6.1. Todos os alimentos, bebidas e materiais fornecidos pela CONTRATADA serão servidos à vontade, sendo facultado aos convidados o direito de repeti-los quantas vezes desejarem, sendo calculados para 1.200 (hum mil e duzentos) pessoas.

3.3.6.2. Os alimentos e bebidas deverão ser oferecidos durante o evento até às 23h40 (vinte e três horas e quarenta minutos) do dia 12/11/2022 – conforme cronograma apresentado.

3.3.6.3. A reposição do buffet deverá ser eficiente, sem que haja escassez de alimentos e bebidas, e com materiais suficientes para atendimentos aos convidados, devendo o serviço ser realizado de maneira harmoniosa e discreta”.

O vencedor terá compromissos com serviços de diversas bebidas, incluindo cervejas e espumantes, e mesas de cafeteria.

Você, pagador de impostos (pessoa física ou jurídica) em Minas Gerais, acredita que será convidado?

Acesse a íntegra do Edital AQUI.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal UAI.

Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments