Ministros do STF e parlamentares defendem afastamento de Moro

  • por | publicado: 27/07/2019 - 16:49
Sérgio Moro, segundo ministro do STF e parlamentares, teria extrapolado suas funções no ministério. Foto - Agência Brasil/Divulgação

Sérgio Moro, segundo ministro do STF e parlamentares, teria extrapolado suas funções no ministério. Foto - Agência Brasil/Divulgação

Matéria publicada hoje pelo jornal Folha de S. Paulo dá conta de que políticos da cúpula do Congresso Nacional e ministros do Supremo Tribunal Federal consideram que a permanência de Sérgio Moro no Ministério da Justiça ficou insustentável. Eles defendem que ele se afaste do cargo pelo menos até que as investigações sobre o caso dos hackers estejam concluídas.

Para parlamentares e ministros da Suprema Corte, Moro teria extrapolado os limites de sua competência como ministro ao indicar que teve acesso a dados de uma investigação sigilosa que vem sendo conduzida pela Polícia Federal.

O próprio ministro admitiu que entrou em contato com autoridades que teriam sido alvo de ataques dos hackers, o que significa que ele teve acesso ao material apreendido pela PF.

Mas o presidente Bolsonaro disse hoje de manhã, no Rio de Janeiro, que confia 100% no ministro e negou que sua permanência no cargo esteja ameaçada.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal UAI.

Likes:
14 36
Views:
1700
Categorias:
Política

All Comments