Itaú pagará R$ 575 milhões por startup de Uberlândia

  • por | publicado: 1/11/2019 - 23:10 | atualizado: 2/11/2019 - 12:09

Zup foi criada em 2011, em Uberlândia, por ex-funcionários da Algar Telecom. Itaú pagará negócio em quatro anos. — Foto: Reprodução/Facebook/@ZupITInnovation

O Itaú Unibanco Holding pagará mais de R$ 575 milhões pela startup Zup I.T Serviços em Tecnologia e Inovação, de Uberlândia (MG). Fundada em 2011, a empresa entrega ao mercado soluções tecnológicas como ferramentas de integração de serviços digitais nas empresas.

“Essa aquisição permitirá uma aceleração no desenvolvimento dos projetos de transformação digital e oferta de novas funcionalidades e de produtos digitais aos clientes do Itaú”, diz o comunicado do Itaú. A liquidação financeira do negócio,contudo, será em três etapas: 51% das ações, por R$ 293 milhões, na primeira; no terceiro ano, 19,6%; e, o restante, quando a completar quatro anos. Nota-se, portando, o cuidado do Itaú em não perder a performance dos fundadores até seus quadros terem domínio da cultura da Zup.

O diretor Executivo de Finanças e Relações com Investidores do Itaú, Alexsandro Broedel, observa, porém, que aoperação ainda precisa das aprovações do Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) e do Banco Central (BC).

A Zup opera cinco filiais (São Paulo, Campinas, São José do Rio Preto, Joinville e Belo Horizonte) e emprega 900 pessoas.

Fundadores da Zup (esquerda para direita): Felipe Almeida, Flávio Zago, Bruno Pierobon e Gistavo Debs. Foto: Kaszek Ventures/Divulgação (2017)

Itaú poderá desembolsar mais

O Itaú informa que os valores da compra poderão ser ajustados “em função do atingimento de determinadas métricas de performance”. A direção do banco assegura, também, que a Zup continuará com gestão autônoma e oferecendo serviços aos seus clientes.

A Zup começou com três dos quatro sócios-fundadores saídos da Algar Telecom (Grupo Algar): Bruno Pierobon (36 anos) CEO, Gustavo Debs (32) e Flávio Zago (43). O quarto, Felipe Almeida (36), foi pinçado por indicação.

Entre os clientes da Zup estão Algar, Santander, Banco Original, MasterCard, Serasa Experian e Vivo. O negócio começou com investimentos de R$ 15 milhões. No final de 2015, os fundadores receberam aporte liderado pelo fundo de investimento Kaszek Ventures – criado por executivos saídos do Mercado Livre.

#Zup #ItauUnicando #Uberlândia #GrupoAlgar #AlgarTelecom #Cade #BC #Kaszek Ventures

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal UAI.