Locamérica (Unidas) eleva capital de R$ 1,5 bi para R$ 4 bi

  • por | publicado: 18/09/2019 - 12:08

Locamérica é a segunda maior locadora de veículos do país, com frota de 150 mil veículos - Foto: Reprodução/Divulgação

A Locamérica (Companhia de Locação das Américas), locadora de frotas terceirizadas e dona da Unidas, comunicou ao mercado que elevará o limite do capital. Passará de R$ 1,5 bilhão para R$ 4 bilhões. Essa autorização foi dada, na segunda (16/09), pelo Conselho de Administração. Porém, o capital da empresa, que m as ações negociadas em Bolsa (LCAM3, na B3), permanece em R$ 2.006.289.984,08. A Locamérica atua também do setor de revenda de seminovos e mantém sede social em Belo Horizonte.

A alteração no capital da empresa se dará pelo desdobramento de cada ação em três ações ordinárias. A decisão será referendada na AGE dos acionistas, no dia 4 de outubro. O Conselho da empresa justifica o novo limite como sendo medida para “dar maior flexibilidade para eventuais futuros aumentos do capital. social”.

Decisão provoca expectativa

Depois do comunicado da Locamérica, o setor de locação de veículos do passou a viver expectativa para os próximos eventos da companhia com a B3 e a Comissão de Valores Mobiliários (CVM). A CVM é a agência reguladora das relações no mercado acionário. Todos fatos relevantes de companhias abertas precisam ser previamente comunicados à Bolsa, como forma de preservar os interesses dos investidores.

Locamérica tem frota de 150 mil veículos

Em 2017, quando encampou a Unidas, a companhia saltou para segunda posição do mercado (atrás da Localiza), com uma frota de 100 mil veículos para locação. Há um ano, a Locamérica decidiu que utilizaria a marca da encampada, Unidas.

A marca Unidas se posiciona como líder em locação de frotas no Brasil. Opera com mais 90 lojas de veículos seminovos. É a segunda maior locadora de veículos, depois da Localiza. A Unidas anuncia que possui frota superior a 150 mil veículos.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal UAI.