Destruição da floresta chegou a 10.362 km² em 2021

  • por | publicado: 18/01/2022 - 23:53

Imagem de desmatamento em Lábrea, município do sul do Amazonas, captada em setembro de 2021 (Foto: Victor Moriyama/Amazônia em Chamas/Divulgação Greenpeace) - Imazon/Plurale

A floresta amazônica viveu em 2021 o seu pior ano em uma década. De janeiro a dezembro, foram destruídos 10.362 km² de mata nativa, o que equivale a metade de Sergipe. Os dados são do Sistema de Alerta de Desmatamento (SAD) do Instituto do Homem e Meio Ambiente da Amazônia (Imazon), que monitora a região por meio de imagens de satélites. Apenas em relação a 2020, ano em que o desmatamento na Amazônia já havia ocupado a maior área desde 2012, com 8.096 km² de floresta destruídos, a devastação em 2021 foi 29% maior. Continue lendo a íntegra da matéria no link abaixo.

Leia também: Bolsonaro e Braga Netto militarizaram Amazônia via Censipam.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal UAI.

Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments