Polícia Federal investiga mineiro que estaria planejando atentado contra Bolsonaro

Presidente Jair Bolsonaro ao chegar em Três Corações, na última sexta-feira, para formatura de sargentos. Foto - Agência Brasil

Presidente Jair Bolsonaro ao chegar em Três Corações, na última sexta-feira, para formatura de sargentos. Foto - Agência Brasil

A Polícia Federal está investigando o mineiro Pedro Venício Souza Rodrigues, 25 anos, morador de Três Corações, no Sul de Minas, que estaria planejando atacar o presidente Jair Bolsonaro durante evento de formatura de sargentos do Exército, realizado na última sexta-feira (29).

O mineiro postou um vídeo curto na sua página no Facebook, de apenas 13 segundos (abaixo), onde afirma que está analisando a área onde o presidente estaria para “poder bolar meu plano”. “Na hora que o Bolsonaro chegar aqui, eu vou acertar ele”, afirma.

O mineiro foi identificado por agentes de inteligência, detido e depois liberado. Ontem, a Polícia Federal cumpriu mandado de busca em sua casa, apreendendo celulares, computadores e mídias.

No depoimento, Pedro confirmou a autoria do vídeo, mas alegou que estava apenas fazendo uma “ironia por inconformismo político”, que tem posições de esquerda, mas não pertence a nenhum partido político.

Na última sexta-feira, o presidente Jair Bolsonaro participou, em Três Corações,  da solenidade de diplomação do curso de formação de sargentos da Escola de Sargentos das Armas do Exército.

No dia 6 de setembro de 2018, num ato de campanha na cidade de Juiz de Fora, Jair Bolsonaro levou uma facada de Adélio Bispo de Oliveira, de 40 anos.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal UAI.

All Comments