Copasa segue o rastro do BDMG e leva seu pires ao BEI

  • por | publicado: 29/11/2019 - 07:17

Copasa também buscará recursos no Banco Europeu de Investimentos (BEI) para tocar projetos de saneamento - Foto: Estação Rio Manso /Divulgação Copasa

Depois do BDMG, chegou a vez da Cia. de Saneamento de Minas Gerais (Copasa) bater na porta do Banco Europeu de Investimentos (BEI). A aprovação da diretoria-executiva será no dia 11 de dezembro, em Assembleia Geral Extraordinária (AGE).

A Copasa, porém, não revelou o volume que pretende solicitar ao BEI nem a destinação prioritária. Mas é bom que os seus dirigentes se preparem para negociação nada fácil. Pois, administradores do banco europeu não seguem padrões brasileiros: enquadraram a diretoria do BDMG. A estatal do Governo de Minas tem ações do capital social listada na B3 (Brasil, Bolsa, Balcão).

O BDMG se candidatou a uma captação direta de € 100 milhões (R$ 462 milhões – fechamento mercado 14/11) no BEI. Mas, sua diretoria passou a ler em nova cartilha, ditada de dentro do próprio Conselho.

#B3 #Copasa #BDMG

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal UAI.

Likes:
0 2
Views:
236
Categorias:
Economia