Taurus conclui acordo de joint venture na Índia

  • por | publicado: 27/01/2020 - 13:01 | atualizado: 31/01/2020 - 15:14

Taurus terá 49% na joint venture com o Jindal Group. Anúncio coincidiu com a presença do presidente Bolsonaro na Índia - Foto: Divulgação/JSW

A Taurus Armas S.A. acertou, por fim, a formação da joint venture na Índia para fabricação de armas de pequeno porte, que negociava desde fevereiro de 2019. Pelo acordo, a empresa de São Leopoldo (RS) fará transferência de tecnologia e ficará com 49% da operação com o Jindal Group. A sociedade marca, portanto, a chegada de unidade de fabricação da Taurus na Índia.

O anúncio coincidiu com a presença da missão comercial brasileira naquele país, liderada pelo presidente da República, Jair Bolsonaro. E figurou entre os mais importantes da agenda brasileira.

O Jindal Group lidera a fabricação de aços na Índia. No ranking do aço, aparece entre as dez maiores siderúrgicas. É, portanto, um dos maiores grupos industriais indianos.

Taurus fez comunicado à B3

A parceira indiana terá 51% da joint venture com a companhia gaúcha, que tem ações do capita listadas na B3 (Brasil, Bolsa, Balcão). Perfil do Jindal Group conforme o comunicado, desta terça (28/01) da Taurus ao mercado:

  • Faturamento anual: US$ 24 bilhões;
  • Empregados: 200 mil (45 mil na Divisão de Aços)
  • Áreas de atuação: energia, aço, minério, óleo, gás e infraestrutura

MATÉRIA RELACIONADA:

#Taurus #Índia #Jindal #JidalGroup #BolsaValores #Bolsonaro #FabricaçãoDeArmas

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal UAI.