Após crítica, líder de Zema na Assembleia diz que tem “nojo” do Partido Novo

Gustavo Valadares, líder governista

O líder governista, Gustavo Valadares (PSDB), conversa com aliado na Assembleia, foto Sarah Torres/ALMG

Uma hora depois que a direção nacional do Partido Novo divulgou nota contra o reajuste do governo a policiais, o líder de Zema na Assembleia contra-atacou. Gustavo Valadares (PSDB) reagiu dizendo que não há nada mais sujo na vida pública que o oportunismo e a demagogia. “Que NOJO do @partidonovo30”, desabafou Valadares em seu perfil no Twitter. E mais, adiantou que o feriado de Carnaval servirá, para ele, como momento de reflexão. “…Espero que não só pra mim, não é mesmo @RomeuZema”, completou.

Em nota, a direção nacional do Novo, comandada por João Amoêdo, reprovou o reajuste do governador Romeu Zema (Novo) para os policiais ao custo de R$ 9 bilhões em três anos. Ao aprovar o projeto, os deputados estaduais estenderam o reajuste a todos os servidores. Na mesma manifestação, Amoêdo defendeu que o governador vete todos os reajustes, inclusive o dos policiais (de iniciativa do governo).

Tuíte de Gustavo Valadares

Líder atuou só e sem base de apoio

Valadares experimentou, nesta semana, o desafio de defender sozinho, sem base de apoio, o governo Zema na Assembleia. Na votação do projeto de autoria do governador, viu dois deputados do Novo, Guilherme da Cunha e Bartô, votarem contra e defenderem a rejeição. O placar favorável foi de 60 a 2.

Em outra votação, sobre emenda que contrariava a orientação do governo, estendendo reajuste a todos os servidores, só 11 dos 16 deputados votaram alinhados. Os outros cinco ficaram contra ele e o governo. Precisou de contar com outros oito votos da bancada da bala para chegar a 19. Saiu derrotado; 47 ficaram contra.

Governador pensou em trocar secretário

Desde o início do ano, a articulação política do governo tem falhado. Sua base caiu de 22 para 16 deputados. Insatisfeito com a situação, o governador pensou em mudar o comando da articulação política. Zema consultou políticos experientes e foi aconselhado a não mexer novamente.

Há seis meses, ele trocou o então secretário de Governo Custódio Mattos (PSDB) pelo atual, Bilac Pinto (DEM). Bilac permanece no cargo, mas perdeu o controle da comunicação oficial que integrava a Secretaria de Governo. Hoje, o setor é comandado pelo secretário geral e homem de confiança de Zema, Igor Eto.

Insatisfação leva Zema a buscar substituto de Bilac na articulação política

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal UAI.

All Comments

Subscribe
Notify of
guest
36 Comentários
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
View all comments
Marcos Jose Da Silva

O estado está Quebrado , zema ficou Doido !!!!!!!

Webber!!!!!!!!!2020!!!!!!!!!!

o lucro das empresas do ZEMA, vai bancar o aumento da segurança publica, tá dominado

Cláudio Lopes

O estado quebrado, funcionários sem reposição salarial a anos, mas na Assembléia, nenhuma despesa foi cortada, nenhuma mamata foi cortada, nenhuma verba de gabinete foi reduzida, assim como os gastos destes parasitas! Todos precisam de reposição salarial, mas não adianta dar aumento, pois, não terá como pagar a ninguém!

Marcos Jose Da Silva

Este dinheiro não existe , da onde zema vai tirar dinheiro para este aumento?? , da saúde , da educação ?? Mais impostos ??? Zema ficou Doido !!!!

francisco jose

MG tem 77 Deputados Estaduais. É gente demais. Custa $$$ demais.
Reduzir a 20 deputados estaduais economizaria BILHÕES de Reais, que serviriam para pagar melhor os funcionários públicos que trabalham e custear serviços públicos muito melhores.

Rafael Sabino

Mais um bolsominion papagaio que lógico não sabe nem fazer conta. Eles gastam muito porém a conta não fecha. Incluindo seu salário e com gasto médio total de 150.000 por mês com assessorias e verbas de gabinete, cada deputado então gasta 1,8 milhão por ano. Vezes 77 deputados, dá mais ou menos 140 milhões de reais. Os deputados precisaram trabalhar por 64 anos para pagar os 9 bilhões iniciais do reajuste. O dinheiro para bancar o estado pelo contrário não vem da mordomia dos políticos, mas do sistema de arrecadação, principalmente sobre a renda e patrimônio das pessoas, mas que… ops, se eu falar para taxar 10% dividendos acima de 300.000 líquidos (e aplicar essa fórmula progressiva para outras coisas tb tipo imposto de renda), vão me chamar de comunista, por isso paro por aqui.

Marcos Jose Da Silva

A farinha é pouca , meu pirão
primeiro !!!

francisco jose

Pirão.

Victor Joao

Eu tenho nojo é de quem rouba do meu bolso sem a minha permissão para pagar por serviços que eu fui obrigado a aceitar mediante força e coerção e pagar aumentos para funcionários que eu não contratei.

Eu entendo o Zema. Vcs viram no Ceará, o pau tá quebrando, polícia de greve. No Espírito Santo, ofereceram 30% de aumento e não aceitaram. Vai pra greve. Zema tá com medo de acontecer o mesmo aqui. É o que acontece quando se negocia com gente armada. Professor e enfermeiro não anda armado.

Entendo. Mas não concordo com o aumento.

Gerson Silva

Pois é, quando se tem um governo fraco, omisso e sede as pressões é isso que dá. Não sou simpatizante do Cid Gomes mas, ele assumiu o risco em defesa dos interesses do povo de seu estado e de sua cidade ao enfrentar os milicianos cearenses (pois é o que são policiais que agem da forma que agiram). Como o Sassá MuZema é um frouxo, cagão, ele cede as pressões e joga a conta pro povo mineiro pagar. Outra coisa, quanto foi a inflação no período dessa tal reposição, ou seja, de 2015 pra cá? Foi de 42%? Não. Então, ele está sendo um irresponsável e cagão. Está lavando as mãos pra não ter que enfrentar protestos.

Victor Joao

Acho que a inflação foi algo próximo disso sim, não se esqueça que foram os dois anos finais da derrocada da Dilma, e a inflação não é simplesmente somada nos anos, é multiplicada. Realmente acredito que os 42% são perdas inflacionárias de 5 anos acumuladas.

Mas não é o momento. Eles poderiam ter fechado um acordo oferecendo 10% que foi um pouco menos que a inflação de 2015, e 4% pras outras categorias, que já tiveram aumento sob Pimentel em 2015 ou 2016. Seria suficiente. Já têm salários altos, estabilidade, progressões na carreiras, aposentadoria integral. Os benefícios compensam as perdas inflacionárias. Aliás, a inflação acontece exatamente porque o país se endivida para pagar-lhes.

Mas o Zema arregou. Ficou com medo. Eu entendo. Só não concordo.

Flavia Morais

Concordo plenamente contigo! Pensei exatamente nisso também

alexandre garcia dos reis

Como é lindo negociar reajuste dos outros… fica 5 anos sem qualquer reajuste, depois leva 10% e fica feliz.

alexandre garcia dos reis

Infeliz. Você só sabe criticar todo mundo nas redes sociais. Deve ser um cara muito íntegro…. mas vendo alguns comentários seus , inclusive de esportes…..

patrick meira

É uma vergonha o que fazem esses policiais.Em plena crise financeira.

jaspion

SEIS ANOS SEM AUMENTO VC ACHA VERGONHA, E O O JUIZ VC NÃO E HOMEM PRA FALAR, E DO PROFESSOR 1254,00 E OS POLICIAIS FICARAM DE FORA, VC NÃO SABE DE NADA E VAI DAR CONTA DO SEU SALARIO, ABSURDO E VC FALAR DO QUE NÃO E SEU SALARIO!!! FACARAM SEIS ANOS SEM AUMENTO VCS NÃO FALARAM NADA, VÃO PREOCUPAR COM SALARIO DE VCS SEUS …..!!!!!

alexandre garcia dos reis

Vergonha? Já ouviu falar em direitos? Vai a merda

FRANK MACHADO (FRANK DRUIMAINI

NÃO SEI MAIS QUEM É POLÍCIA E QUEM É MILÍCIA. KKK

Dourado Brasilis

Armados e o povo inseguro? Q contradição, n? São proibidos de fazerem greve… Será q terminaremos é reféns de categoria armada?

Gerson Silva

O povo mineiro está cada vez mais xucro, burro e se deixa levar por promessas de botequim. Veja o exemplo do nosso governador. Durante a campanha eleitoral veio com a conversinha de honesto, austero, de governar para o povo, sem conchavos e sem o tal do toma lá dá cá, ou seja, seguiu junto da boiada presidencial e, acabou se elegendo governador mesmo chegando a pensar em desistir no meio do caminho.
Depois de eleito tomou medidas idiotas como cortar cafezinhos, morar fora da residência oficial do governador dentre outras, cujo, impacto no rombo das contas do estado foi e é mínimo mas, a manada que o seguia ou, ainda, o segue bateu palminhas.
Agora, o PATO MANCO da campanha dá uma guinada de 180º no sentido contrário ao que pregou. Manda pra ALMG um projeto de aumento à PMMG sabendo que, o estado está falido que, a saúde está falida, que a educação está entregue as traças que, os salários estão atrasados que, o 13º, ainda, não foi pago para muitos e nossa infraestrutura dilacerada.
Na verdade o PATO MANCO da campanha mostra agora a sua cara, sua fraqueza e incompetência mediante a ameaça do setor de segurança sobre ele.
Temos de tomar muito cuidado com essa situação pois, não se pode ficar refém do setor da segurança pública como está acontecendo no Ceará onde milícias tomaram conta de quartéis e de cidades obrigando, inclusive, os cidadãos de bem fecharem seus comércios e evitarem saírem às ruas. Isso é coisa de bandido e devemos estar atentos para que esse tipo de bandidagem não ocorra por aqui.
E EnfiZEMA, peça pra sair. O senhor é um frouxo, fraco e despreparado. Também, foi na onda do comandante geral. E Gustavo Valadares vá se fod&r pois, papagaio que acompanha João de Barro vira ajudante de pedreiro, colega.

francisco jose

Receita para Economizar Bilhões: diminuir a Quantidade de Políticos nas assembléias e no Congresso Nacional.

MG tem 77 Deputados Estaduais. É gente demais. Custa $$$ demais.
Reduzir a 20 deputados estaduais economizaria BILHÕES de Reais, que serviriam para pagar melhor os funcionários públicos que trabalham e custear serviços públicos muito melhores.

Atleticano Chato

Só faltava isso, o filho do imbecil ZIZA VALADARES querendo dar lição de moral

Marcos

Zema pede para cagar e volte a vender eletrodomésticos.

francisco jose

Os Políticos Devem Fazer Sacrifício Agora. Nunca contribuiram com nada, apenas se beneficiam.
Assembléia Legislativa de MG tem de fazer sacrifícios, tem de Cortar na Carne.

As Forças Policiais Devem Pressionar os Políticos, antes de abandonarem a Sociedade à própria sorte.

Alfredo

Demagogia é queimar o caixa do Estado dando aumento a apenas uma categoria. Falta de bom senso do governo e de deputados irresponsáveis e corporativistas.

Germano Braga

Não sei se isso é um bode na sala, ou o governo é muito incompetente mesmo. Zema pode ter boas intenções, não é ladrão, mas está se mostrando incapaz de lidar com a máquina política, nada a ver com o setor privado.

Peter Veiga

Zema esta dando um tiro no pé com essa historia do carnaval.

FRANK MACHADO (FRANK DRUIMAINI

DEVE ESTAR SATISFAZENDO A TURMA “DE JESUS AMÉM”, QUE ESTÁ PERTURBADA COM ESSE CRESCIMENTO DO CARNAVAL EM BH. É CONTRA O PLANO DE EXPANSÃO DELES E TOMADA DE PODER EM BH.

Ricardo

É o mesmo sentimento que temos em relação à maioria de vocês. Me estranharia se – e somente se – você gostasse do Novo.

Peter Veiga

Devolva o nosso carnaval chico bento!!

antonio matapetê

Certíssimo Zema, mais uma vez você leva um 10. Temos que acabar com o parasitismo, tão bem explicado e justificado por nosso grande ministro Paulo Guedes.

Sebastiao Nogueira

Reforma política já, reforma do judiciário já. Estes grupos (Legislativo e Judiciário) mamam nas tetas da República, e impedem uma distribuição do dinheiro público. Vergonhoso!!

Fernando Mendes Silva

agora eu quero ver a educação e saúde pararem de vez… deixem as escolas, o João XXIII e o IPSEMG às moscas… e convoquem esses policiais sanguessugas vagabundos para alfabetizar os filhos dos pobres e prestar atendimento nas emergências… deputado sujo e covarde esse Valadares, por que ele não vai falar isso na cara dos profissionais das demais categorias?

Thiago

Zema erra ao pressionar a ALMG no rumo do populismo. Se o estado faliu, segura a ponta e congela reajustes a TODOS.

Mas esse oportunismo e voz sonsa a fim de 41% aos amigos escolhidos é um vexame. Ta sobrando dinheiro ou não? E o 13º, p###!!

Thiago

A sociedade ta refém da polícia, é oq parece. CE, ES, MG, DF…….. falta disciplina e sobra político frouxo

Dourado Brasilis

Zema já era e a direção do Novo q está certa, n esses farsantes aí q de novo n têm nada. LRF é só pra trouxas desarmados que cuidam de doentes e da educação dos pobres. Se perigar ainda será é impedido por irresponsabilidade fiscal. Pode desistir de reeleição e pegar o caminho da roça.