Bate-boca constante entre Zema e Kalil antecipa disputa pelo governo em 2022

O prefeito Alexandre Kalil (dir) e o governador Romeu Zema usam pandemia do coronavírus como discurso político para 2022

O prefeito Alexandre Kalil (dir) e o governador Romeu Zema usam pandemia do coronavírus como discurso político para 2022

Têm sido frequentes, nos últimos meses, as desavenças entre o governador Romeu Zema (Novo) e o prefeito de Belo Horizonte, Alexandre Kalil (PSD). As rusgas se intensificaram em tempos de pandemia do coronavírus e, portanto, o pretexto é a Covid-19. No fundo, ambos estão de olho na disputa pelo governo de Minas no distante 2022.

Alexandre Kallil é candidatíssimo ao governo do Estado na próxima eleição. Antes, porém, precisa enfrentar a corrida pela reeleição, em que aparece, por enquanto, segundo as pesquisas de intenção de voto, como favorito. Vencendo, se fortalece para o pleito de 2022.

Zema, um empresário que parece ter tomado gosto pela política, tudo indica, será candidato à reeleição. Como não terá grande coisa a apresentar ao eleitorado na próxima eleição, até mesmo porque a situação financeira caótica do Estado não permite (e justiça seja feita, quando ele pegou o cargo a situação era gravíssima), cuida de desqualificar aquele que se apresenta hoje como o principal concorrente, usando o coronavírus como sua principal arma.

Junto ao eleitorado da capital, as críticas de Zema ao prefeito não parecem estar surtindo grande efeito. Sua administração é bem avaliada e seu discurso na pandemia em favor da vida vem agradando. Mas no interior, onde Kallil não é conhecido, a pecha de incompetente que o governador tenta carimbar na condução que ele vem dando ao surto da Covid-19 tem potencial para fazer estragos.

Por outro lado, as críticas que Kallil, com seu jeito contundente de ser, tem feito ao governador Zema, também no caso da pandemia, pode, sim, trazer ainda mais prejuízos à sua imagem junto ao eleitorado da capital. O argumento principal é que o governo não ajuda em nada Belo Horizonte.

Já no interior, onde o Estado se faz mais presente e os municípios, na sua grande maioria, não conseguem viver sem a ajuda do governo estadual, o que o prefeito diz do governador tem peso praticamente zero.

No fundo, embora a eleição de 2022 esteja ainda muito distante, o principal adversário de Kallil, sendo ele mesmo candidato ao governo, é a elite empresarial mineira, que não anda satisfeita com sua gestão e sinaliza que vai investir em seus adversários na eleição municipal de novembro. A intenção é, pelo menos, reduzir o tamanho de sua vitória, para que ele não chegue tão forte na eleição estadual.

No caso do governador Romeu Zema, o principal adversário é a sua própria administração. Como é praticamente impossível que a situação financeira de Minas se recupere a tempo de que o governo consiga fazer algo realmente relevante para melhorar a vida dos mineiros, o discurso será vazio.

E nessa corrida, evidentemente, estarão outros concorrentes, além de Zema e Kallil, como o senador Rodrigo Pacheco (DEM) e o ex-prefeito Márcio Lacerda (sem partido). O primeiro, aliás, tem feito uma campanha silenciosa, mas muito efetiva, levando aos prefeitos de centenas de municípios o que eles mais gostam e precisam: verbas.

Relacionadas

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal UAI.

All Comments

Subscribe
Notify of
guest
33 Comentários
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
View all comments
webber ! CAÇA-MARIAS!

kallil nao ganha nem para sindico de predio vazio mais, os comerciantes , empresários farao campanha violenta contra esse vendido. Agora rodrigo pacheco, nunca fez nada como deputado, como senador ta mais sumido que dinossauro. Esse vai participar so pra levar um troco no fundo partidário.

lukas

Kalil provavelmente será reeleito para prefeito e tem boas chances para governador, ele tem falhas, mas no geral faz uma administração superior a de prefeitos anteriores e o simples fato de pautar na ciência e na técnica muitas das suas medidas é algo muito relevante na política brasileira onde existe negacionismo,por exemplo, da presidência e de parcela da população sem instrução.

Jon C.

Kalil não tem voto nenhum aqui no interior. O povo gosta do Zema por aqui, o jeitão dele de falar direto e sem rodeios. Se Zema conseguir controlar as contas públicas e colocar o salário dos servidores em dia, a eleição tá no papo.

webber ! CAÇA-MARIAS!

e verdade, kallil sera derrotado por sua incapacidade , tudo que acontece na cidade nao tem culpa de nada, sempre joga as responsabilidades em outras pessoas, isso nao e representar a população, a ultima do kallil, foi acusar um jornalista se ele teria solução para os onibus cheios? ai eu pergunto, kd a bh trans, kd aqueles inuteis que ganham para q? cololcar cone nas ruas?

tiago pereira

kd a caixa preta da bhtrans? kd os empregos dos cobradores?

Marcelo

ja sabemos qual o lado do autor desta materia… quando ele coloca “Sua administração é bem avaliada e seu discurso na pandemia em favor da vida vem agradando” .. agradando a quem? AS inumeras falacias vomitadas pelo atual prefeito, um discurso populista ao extremo, onde tenta esconcer sua incompetencia enquanto gestor, no fato de fechar a cidade e dizimar milhares de pessoas alegando ~preocupacao com a vida … por favor…

webber ! CAÇA-MARIAS!

kallil já era, quem esta a favor dele, sao os funcionarios publicos, que querem quarentena ate 2022, mas a fonte vai secar, e esse povo, ira começar a fazer protestos as ruas contra o prefeito querido por eles.

José Eustáquio de Freitas

ZEMA esta com os dias contados na governança do ESTADO; funcionario publico de uma forma geral, aliada aos OPERADORES DE SEGURANÇA PUBLICA, querem ver o CAPETA, mas, não querem nem ouvir o nome ZEMA; ZEMA vai perder de lavada NA CAPITAL E NO INTERIOR pra qualquer CANDIDATO.

Bernardino Soares De Oliveira

Cala a boca petista ignorante. Zema venceu sem sanguessugas e somente servidores petistas nao votam no Zema. Seu burro

Shú

A PBH SÓ TEM TUCANO, TODO MUNDO SABE KKKK

Flávio R. P. Capuruço

Tem que acabar com as mordomias da maioria dos funcionários públicos, que só buscam estabilidade nos empregos em detrimento aos serviços à população…

Bernardino Soares De Oliveira

78% dos Secretarios do Kallil foram escolhidos pelo PT de Pimentel. O PT só existe em MG pq o Kallil abrigou eles. Votar no Kallil é votar no PT, do Pimentel, Dirceu, Marília Campos, Lula, Dilma, etc. É isso q vc quer?

José Donizete Machado

Parece que os governos atuais, todos, estão na era do bate boca. E o povo que se lasque.

Nilson Alem

Kalil perdeu meu voto sacana este lance do onibus nao passar

Flávio R. P. Capuruço

Kalil com sua mania de brigar com todos e de transferir a responsabilidade, está cumprindo o que prometeu em campanha: não fazer nada. Somente loteou a prefeitura aos PeTebas e se rendeu às exigências de algumas castas ( empresas de ônibus e shopping populares).
Zema herdou, dos PeTebas, um estado falido e aparelhado. A gestão é prejudicada pela quebradeira nas finanças, primeiramente pelas crises do minério (barragem de Brumadinho) e Covid-19. Pelo menos busca uma conciliação entre poderes e com a população, é íntegro e não se vende. Penso que daria um bom senador, caso não consiga a reeleição…

Evandro

Este Zema é um Caipira metido a Não!

Evandro

Este Zema é um Caipira !

Leandro Moreira

Só imbecil que acredita no kalil.

Daniel

Votou no Bozo e acha que outros são imbecis…

Leandro Moreira

Kalil e o prefeito encantador de jumentos.

Daniel

Bozo, o encantador de vacas…

tiago pereira

vc ama tanto ele que nao para de falar nele

Leandro Moreira

Votar em kalil, Alvaro Damiao, Léo burguês e assinar o atestado de demência.

Alex

Na minha opinião pode se colocar nesta lista João Vitor Xavier.

Leandro Moreira

E Mário Henrique caixa né, esse votou a favor do aumento dos combustíveis em mg em 2018 e as mulas o elegeram de novo.

Daniel

Vota no Bozo, então!

webber ! CAÇA-MARIAS!

leo burgues está mais de uma decada como vereador, ficou milionario, sem fazer nada por bh.

alvaro damiao esta indo pro mesmo caminho, alem de ser uma autentico puxa saco.

Agnaldo Teixeira

Vai ser eleito governador em Minas, aquele que subir no palanque do
Presidente Jair Bolsonaro!!
E me parece que Kalil não receberá esse convite.

sergio

Zema derrota todos em MG, muito bem avaliado no cenário nacional. Kaill faz muito barulho. Com a saída de Bolsonaro depois de reeleição, Zema é um nome forte a ocupar até a cadeira presidêncial
.

webber ! CAÇA-MARIAS!

zema no interior ganha disparado, em bh, pode ganhar , mas com vantagem apertada.

Ogivalmartins De Resende Resen

Zema, simplão, honestão e jovem. Tem perfil para ser morador do Palácio do Planalto.

Alex

Missão recebida por ele.
Lucrar com a pandemia.
Lucrar com as empresas de ônibus..
Dar lucro para as empresas de ônibus.
E fuder com força o povo de BH.
E ser reeleito para fazer tudo de novo.

Leandro Moreira

Alienado são aqueles idiotas que votam por amor ao futebol.