Bolsonaro!, o país não quer essa foto!…

  • por | publicado: 14/04/2020 - 16:27 | atualizado: 16/04/2020 - 14:09

Corpos empilhados de vítimas da Covid-19 no Hospital Sinai-Grace, em Detroit, nos Estados Unidos. Várias fotos foram compartilhadas por equipes de emergência. Um funcionário teria entregue o material à TV CNN, que divulgou – Imagem: TV CNN/Reprodução das Redes Sociais

O presidente da República, Jair Bolsonaro, em definitivo, não tem agido como chefe da República nas linhas de frente de contenção à pandemia do novo coronavírus (Covid-19). Ele deixou isso claro em janeiro, quando resistia em repatriar brasileiros que estavam em Wuhan, o epicentro do vírus na China. Cedeu às pressões de toda ordem emanadas da sociedade.

Bolsonaro, depois, engrossou o grupo de chefes de Estado da Europa e do presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, que optou, de inicio, pelo pouco caso. Desdenharam os alertas para o caos que desabaria sobre todas as estruturas de saúde no mundo. Pois bem. Itália, Inglaterra, França, Espanha e, agora, os Estados Unidos contam seus mortos aos milhares.
Primeira economia do planeta em consumo de trilhões de dólares em tecnologia, os EUA estão, literalmente, empilhando (foto) os mortos desta pandemia. Na importante Nova York (abaixo), surgem covas coletivas.

Se nos EUA, depois de varrer estruturas da Europa, até então, sólidas, o rastro aberto pela Covid-19 é esse, pode-se, então, imaginar o tamanho da fragilidade do Brasil. Será, pois, um caos descontrolado, se ocorrer aqui, em intervalo de tempo análogo, mesma ordem de milhares de infectados dos EUA.

Portanto, melhor, mesmo, seria Bolsonaro olhar bem para a foto e, com inteligência, passar a presidir soluções e tentativas de salvaguardar para o povo. Além disso, deixar de lado frustrações de governante e, também, abandonar crenças religiosas e ideológicas.

Confrontar o ministro da Saúde, médico Luiz Henrique Mandetta, interessa aos veículos de comunicação sem manchetes inteligentes que o momento requer. Mas, isso não ajuda a salvar vidas.

Bolsonaro, entenda o aviso das fotos

A foto dos mortos empilhados é em Detroit (EUA). E veja que, aqui, nem Detroit temos. Muito menos, uma Nova York. Apesar de toda grandiosidade, a capital financeira do mundo gerou fotos das covas coletivas abertas para vítimas da pandemia.

O Brasil não deseja gráficos de recordes de mortos. A pandemia veio da Ásia, sim. Contudo, o Sr. Jair Messias Bolsonaro deixou, até aqui, de trabalhar (de forma ampla) como presidente da República Federativa do Brasil. Com atitudes racionais, certamente, muitas mortes poderiam ter sido evitadas.

Novamente: Bolsonaro!, o país não quer essa foto!…

(OPNIÃO)

#Detroit #NovaYork #Wuhan #China #EUA #DonaldTrump #Bolsonaro #MinistroMandetta #PandemiaDoNovoCoronavírus #França #Itália #Europa

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal UAI.

All Comments

Subscribe
Notify of
guest
1 Comentário
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
View all comments
Mauro Junior

Saudações cordiais, Senhor Nairo Alméri!

1. Por gentileza, publique os Laudos de Autópsia dos corpos fotografados para comprovar a “causa mortis” por COVID-19. COVID-19 significa COrona Virus Disease (Doença do Coronavírus), enquanto “19” se refere ao ano de 2019.

2. Notícias sobre a Pandemia COVID-19:

2.1 “A Organização Mundial de Saúde (OMS) foi comunicada sobre casos de pneumonia sem causa identificada na cidade de Wuhan, na China, em 31 de dezembro de 2019. Rapidamente, a doença espalhou-se pelo mundo e, em 11 de março de 2020, foi classificada pela OMS como uma pandemia.”
> Fonte: https://brasilescola.uol.com.br/doencas/diferenca-entre-covid-19-gripe-e-resfriado.htm
2.2 “Em 31 de janeiro de 2020 foi confirmado que a pandemia de COVID-19 tinha se espalhado para a Itália, quando dois turistas chineses deram positivo para SARS-CoV-2 em Roma.”
> Fonte: https://pt.wikipedia.org/wiki/Pandemia_de_COVID-19_na_It%C3%A1lia

3. Definição de pandemia segundo o Dicionário Michaelis: “Doença epidêmica de ampla disseminação.” A COVID-19 já havia emigrado do continente asiático (China) para o continente europeu (Itália) em 31 de Janeiro de 2020.

4. Entre 22 e 25/02/2020, O Brasil festejou o Carnaval, a maior festa pagã e anticristã do planeta. Milhares de pessoas de diferentes estados e países aglomeradas, muitas se beijando na boca, esfregando-se nas ruas e nos clubes, praticando o sexo livremente, consumindo drogas lícitas e ilícitas, etc. Nesta momento, a COVID-19 já se apresentava como um pandemia conforme a definição supra.

5. Os governos estaduais e municipais não tomaram nenhuma providência para cancelar o Carnaval em suas jurisdições. Enquanto a pandemia da COVID-19 grassava em outros países, “o povo brasileiro, politizado, culto, inteligente, de uma sabedoria milenar, comemorava a festa em homenagem a Dionísio (Baco).

6. A Organização Mundial da Saúde (OMS) cujo diretor-geral é o etíope Tedros Adhanom desde Julho de 2017 classifica a COVID-19 como uma pandemia em 11 de Março de 2020. Classificação esta bem atrasada por sinal. Estava aguardando o término do Carnaval?

7. Tedros Adhanom Ghebreyesus:
“Tedros faz parte do núcleo duro e é conhecido com um líder brutal do partido minoritário da Etiópia, a Frente de Libertação do Povo Tigray, uma ala do Partido Democrático Revolucionário Popular da Etiópia, com raízes marxistas/comunistas. Ele serviu ao regime, violentamente repressivo, como ministro das Relações Exteriores de 2012 a 2016, depois de um período como ministro da Saúde. Vale lembrar que o Comunismo tornou a Etiópia um país em que milhares de pessoas morreram por epidemias que eram escondidas do mundo pelas autoridade locais e de fome.”
> Fonte: https://www.agoraparana.com.br/noticia/etiope-diretor-geral-da-oms-e-lider-comunista-radical-corrupto-e-garoto-propaganda-do-covid-19.

8. É da opinião desse comunista, terrorista, assassino, ateísta, anticristão que a maioria dos Excelentíssimos Congressistas, Governadores, Prefeitos, jornalistas e outros compartilham? O Brasil é mesmo uma “Ditadura Parlamentar Socialista/Comunista!

“Lula livre para a Presidência da República, Dilma Rousseff como vice.”
Haja cachaça e, lagostas importadas para o STF!

“Cada povo tem o governo que merece.”
*Filósofo francês Joseph-Marie Maistre (1753-1821).

Cordialmente,