Em tempo de fake News, CDL/BH premia jornalismo profissional pela 9ª vez

  • por | publicado: 17/09/2021 - 19:16 | atualizado: 22/09/2021 - 16:41

Marcelo de Souza e Silva entrega prêmio a jornalistas na edição de 2018, foto CDL/BH

Quando o mundo da fake News isola muita gente numa bolha de falsa realidade, com ataques às instituições democráticas e à Imprensa, a CDL/BH premia pela 9ª vez o jornalismo profissional. Os jornalistas vencedores da 9ª edição do Prêmio CDL/BH de Jornalismo serão conhecidos e premiados nesta terça-feira, dia 21, às 10 horas, na sede da entidade. No mesmo evento, também será lançada a 10ª edição.

Nesta edição, o prêmio teve como tema “A volta por cima: como promover a recuperação econômica dos setores de comércio e serviços de Minas Gerais”. Entre as matérias, foram selecionadas como finalistas cinco de cada categoria – Impresso, Rádio, Televisão e Internet.

Serão três premiados em cada uma das quatro categorias. O jornalista vencedor em primeiro lugar em cada uma das categorias receberá R$ 5 mil em forma de vale-viagem. O segundo e terceiro lugar serão premiados, também em forma de vale-viagem, com valores de R$ 4 mil e R$ 3 mil, respectivamente.

Notícias que apontaram novos caminhos

“O último ano foi desafiador para todos nós e especialmente para a imprensa que precisou se desdobrar para nos manter atualizados diante de uma das maiores crises sanitárias e econômicas. E, como sempre, a imprensa foi além e mais que trazer números desanimadores, ela também nos mostrou caminhos que podem nos levar à recuperação econômica. Por isso, esta edição tem um caráter especial. Mais que premiar os melhores conteúdos, vamos premiar os profissionais que nos ajudaram a pensar além da crise que vivenciamos”, apontou o presidente da Câmara de Dirigentes Lojistas de Belo Horizonte, Marcelo de Souza e Silva.

Comércio cobra cenário econômico seguro

O comércio experimenta confiança crescente em Belo Horizonte após pico da pandemia, mas vincula a plena retomada à promoção de um cenário econômico seguro. No primeiro semestre deste ano, o setor registrou alta de 4,63% nas vendas. Esse crescimento do volume de vendas fez com que a confiança do comércio da capital também avançasse. De acordo com levantamento da CDL/BH, o segundo trimestre do ano fechou com indicador de confiança em 55,3 pontos. No primeiro trimestre, foram registrados 40,1 pontos.

Até o fim do ano, o calendário de datas comemorativas promete impulsionar as vendas no varejo. “Acabamos de promover a Semana do Brasil, que ajuda a movimentar o comércio em setembro. Ainda teremos pela frente o Dia das Crianças, Black Friday e Natal. Todas essas datas são extremamente importantes para o comércio. Para que elas sejam positivas, é imprescindível que, além do controle da inflação, haja geração de emprego, renda e a promoção de um cenário econômico seguro e com boas perspectivas”, avaliou Marcelo de Souza e Silva.

LEIA MAIS: CDL/BH vê risco à recuperação econômica com nova alta dos juros

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal UAI.

Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments